Carmel by the Sea

Good Morning!

foto(9)

Há dias, comecei a conversa sobre a Califórnia, já entusiasmada para falar logo sobre Carmel. Carmel é … não tem como sair de Carmel.

De tão bonita, para explicar é melhor começar com “é como se fosse”:

É como se fosse uma vila costeira, de hobbits! É tudo tão lindo e perfeito, que não teve como seguir viagem.

foto(2)

Conhecida no mundo todo, Carmel tem a beleza e a generosidade da natureza: a costa do Pacífico, as areias finas, os afloramentos rochosos, as árvores ciprestes e o verde reluzente dos campos de golfe de Peeble Beach. A pequena Carmel tem cerca de 2,6 quilômetros quadrados, é repleta de boutiques, antiquários, hotéis e restaurantes. Não possui postes de luz, parquímetros e numerações nas casas.

foto(7)

Na década de 80, teve como mayor o ator Clint Eastwood, que tinha um rancho e um restaurante. Antes disso, Carmel foi reduto de músicos, pintores, escritores, como Jack London e George Sterling, e outros artistas que passaram a morar lá depois do terremoto de San Francisco, em 1906.

No romance O Vale da Lua, Jack London descreve essa colônia de artistas.

Apreciamos um vinho num restaurante encantador, enquanto aproveitamos da internet para reservar hospedagem num hotelzinho charmoso que avistamos, através do site tripadvisor, e essa é a grande dica!

Em seguida, jantamos em outro lugarzinho especial. Cogumelos selvagens, colhidos naquela tarde.

foto(8)foto(6)foto

Julia.

Anúncios

De repente, Califórnia!

califaBom dia, pessoal.

Viajar é um dos melhores prazeres da vida. Dias abençoados são esses que passamos a deslumbrar as coisas belas e imperdíveis ao redor do mundo. Viajar traz mudanças. Percebo isso no fim de um dia, no reflexo do espelho. O estilo, a personalidade e a maneira de pensar mudam, conforme nos integramos a outras culturas.

Eu tenho um parceiro e tanto para viajar, o meu grande amigo marido. Quando partimos em viagem, sabemos exatamente que tudo pode mudar no próximo minuto. Viajamos como duas águias, espertas e estudadas, mas também altivas e ousadas. Positividade, maré a favor. Sincronicidade. Boa música e conversas.

Estivemos na Califórnia em dezembro e espero dividir dessa alegria com vocês. Deixando algumas dicas para quem passar por lá.

A começar, fizemos o trajeto entre San Francisco e San Diego e foi absolutamente fantástico. Percorrer a costa de carro pela Hwy 1 foi incrível, a cada curva um cenário de tirar o fôlego. Curtimos muitos lugares, entre eles Santa Cruz, Santa Bárbara, Monterey, Carmel e Malibu – onde chegamos no pôr do sol.

Meu marido alugou uma prancha e surfou em Steamers Lane, a dica para quem quer fazer o mesmo, é levar consigo uma roupa de borracha de espessura reforçada, porque a água lá é muito fria! Mas valeu cada minuto, eu imagino…

califa4

Com amor,

Julia.