Categoria: Cook

What’s cooking?

Nossa eterna Julia Child

Cheia de personalidade, Julia Child é a minha inspiradora maior na arte culinária e como ser.
Ela foi uma mulher brilhante em sua integridade. Uma apaixonada esposa que de tanto amar a vida, viu novos caminhos a desvendar, não importando a sua idade, cultura ou situação financeira. Ela resolvia tudo sem perder a pose.
Separei um vídeo que agrada muito por sua maneira de ser e lidar com antigos conceitos.
Prestem atenção quando ela virar a panqueca de batatas. E aprendam com o seu dizer: “-Lembre-se. Se você está sozinha na cozinha, quem vai ver?”

Com sua doçura e espontaneidade, ela introduziu receitas francesas nos Estados Unidos com sorrisos soltos, e dedicou muito do seu tempo a ensinar que é fácil cozinhar, só basta um pouco de humor e truques para aprimorar suas receitas.
Estou certa que a melhor receita que ela nos deu foi a de viver feliz, encontrar saídas, surpreender quem você ama, decorar sua casa com aquilo que você é, sejam corações de papéis ou utensílios culinários que ela expunha nos quatro cantos de sua cozinha.
Ela ensinou o essencial. E que dezembro traga a vocês, leitores queridos, maravilhosos momentos de comunhão e felicidade plena. Fartura tanto na mesa, quanto nos sentimentos mais sinceros que temos. Gratidão.

J.

Anúncios

Mousse au Chocolat

mousse

A querida amiga Loui fez a gentileza de transcrever a receita do Mousse au Chocolat, de Julia Child, do vídeo postado aqui.

Vou guardá-la junto aos meus documentos valiosos!

Merci Ami!

Mousse au Chocolat

4 ovos

1 colher de sopa cheia de café solúvel

¼ de xícara de água

¾ de xícara de açúcar

170gr de chocolate em barra meio amargo

¼ de copo de conhaque (ou outra bebida)

100gr de manteiga

opcional: bolachas champagne, papel manteiga para forrar a forma

 

Derreta o chocolate com o conhaque sobre banho maria (fora do fogo). É só colocar num recipiente fino sobre outro recipiente ou panela com água bem quente e deixar parado por alguns minutos. Em seguida, mexer bem até que não sobrem pedaços. Acrescente 100gr de manteiga ao chocolate e misture até dissolver. Reserve.

Bata as gemas com fué por alguns minutos até que tomem corpo. A cor fica meia esbranquiçada. Misture o café solúvel, a água e o açúcar e leve ao fogo até derreter bem. Acrescente a mistura do café às gemas aos poucos e mexa vigorosamente com fué para que as gemas não talhem. Leve ao banho maria sobre fogo baixo e continue mexendo vigorosamente até que a mistura engrosse e clareie, aprox. 6 minutos.

Passe a bater a mistura na bateleira por mais 5 minutos. Se tiver batedeira manual fica mais fácil. Caso contrario, transfira a mistura para a tigela da batedeira fixa e vá em frente. A mistura ficará bem clara e aveludada.

Misture o chocolate às gemas mexendo com espátula de borracha delicadamente para não tirar o ar já incorporado.

Bata as claras em neve com uma pitada de sal até que fiquem como leve espuma (formando picos) mas não duras. Junte delicadamente ao mousse.

Para servir, você pode encher taças individuais ou uma tigela de vidro grande. Outra ideia mostrada pela Julia é a de forrar as laterais de uma forma funda redonda com bolachas tipo champagne, colocar o mousse dentro e levar ao freezer. Ela forrou a base da forma com papel manteiga e colocou um pouco do mouse antes de começar a enfileirar os biscoitos para que os mesmos parassem em pé.

Para desenformar, encoste a forma sobre água quente por 10 segundos para soltar e vire sobre o prato de servir. Você pode inclusive desenformar com antecedência e deixar no freezer ou geladeira. Fica lindo.

Assista o vídeo para pegar todos os detalhes dessa deliciosa sobremesa…

A Julia é tão autêntica, tão minuciosa, tão encantadora…

Bon appetit!

J. and L.

Haggis, uma tradição escocesa

P1050652
Sou muito fã desse prato tradicional escocês preparado com miúdos de carneiro e especiarias. Tive o prazer de saborear uma versão moderna dessa iguaria na sexta-feira passada, dia de Robert Burns, grande poeta escocês. O haggis foi servido com delicioso purê de batatas e nabos. Maravilhoso!
Estou colando abaixo a receita.
Haggis (Prato nacional da Escócia) Ingredientes
– 1 estômago de carneiro (bucho)
– 1 kg de flocos de aveia
– 1/2 kg de banha, raspada em pedaços
– 1/2 de fígado de carneiro
– 1 cebola grande, em pedaços
– 2 xícaras (chá) de caldo de carne
– 1/2 colher (sopa) de pimenta caiena
– 1/2 colher (sopa) de pimenta do reino
– 1 colher (chá) de noz moscada ralada
– 1/2 colher (sopa) de sal

Modo de Preparo
Vire o estômago pelo lado do avesso e limpe-o esfregando bem. Vire-o novamente do lado certo. Afervente o fígado e refogue a cebola até murchar. Passe-os juntos pela máquina de moer carne ou triture no processador. Toste levemente a aveia. Misture todos os ingredientes juntos, acrescentando o caldo de carne para dar liga. Recheie o estômago com a mistura, pressionando bem para não deixar restar ar. Costure a abertura. Cutuque o haggis com um ou dois furos pequenos, para não estourar durante o cozimento. Coloque o haggis em água fervente e deixe cozinhar lentamente, em fogo baixo, por 4 a 5 horas.
Sirva com purê de batatas ou de nabos (daqueles que a gente não tem no Brasil!)
Rendimento – 12 porções
Bom apettite!
Louisette

SPONGE CAKE DO JAMIE OLIVER

P1050670

P1050676

P1050681

P1050682

P1050683

P1050684Assisti a um programa do Jamie Oliver dias atrás e fiquei com muita vontade de experimentar o bolo que ele preparou. Inclusive, decorei a receita, por ser muito fácil e porque fiquei fascinada com a rapidez do preparo e com o resultado. Em visita a uns amigos na longínqua Escócia semana passada, fui um dia para a cozinha e preparei o tal do bolo. Saiu tudo certo e ficou delicioso. Portanto, tendo retornado ontem de viagem, resolvi dividir essa experiência divertida com minhas amigas. Anotem a receita.
SPONGE CAKE DO JAMIE OLIVER
250gr de farinha de trigo
250gr de açúcar
250gr de manteiga em temperatura ambiente
5 ovos
1 colher rasa de fermento em pó
1 colher de essência de baunilha
Bater todos os ingredientes no processador ou na batedeira. Fica uma massa bem espessa pois não leva leite. Colocar em assadeira redonda média, de abril, untada com manteiga e trigo. Levar ao forno por 10 minutos a 200 graus e depois diminuir para 160 graus. Ficar de olho para não passar do ponto. Fazer o teste do palito para saber quando está assado.
Para o recheio você vai precisar de:
1 vidro de geléia de damasco (A receita original é com lemon curd, e foi isso que utilizei no meu bolo. Mas como não temos esse ingrediente no Brasil, uma geléia meio azedinha, como de damasco, substitui bem.
200gr de mascarponi misturado com 4 colheres de açúcar
Franboesas ou outras frutas vermelhas, podendo ser até morangos
Açúcar de confeiteiro para salpicar o bolo.
Retire o bolo do forno, deixe esfriar, abra ao meio e recheie da seguinte forma: uma camada de geléia, uma camada de mascarpone, uma camada de frutas. Reserve um pouco da geléia para passar na parte superior do bolo antes de colocá-la sobre os recheios, para grudar bem e não escorregar. Salpique com açúcar de confeiteiro e enfeite com algumas frutas.
Obrigada Jamie…por nos ensinar tantos pratos práticos e deliciosos.
Bon appetitte!
Louisette

Bolo de frutas secas

foto 1

foto 4

foto 5

foto 1

foto 2

foto 4

foto 5As vezes me pergunto porque é que reservamos certos pratos apenas para a época das festas de final de ano. Esta receita de bolo com frutas secas dura várias semanas e é deliciosa…uma iguaria para ser saboreada o ano todo. Elegante, ée um coringa na hora que chega uma visitinha inesperada.
Receita
3 ovos
¾ de xícara de óleo vegetal (milho ou canola)
3 xícaras de farinha de trigo
3 xícaras de açúcar
2 colheres de canela em pó
1 colher (de chá) de cravos esmagados
1 colher (de chá) de essência de baunilha
raspas de casca de laranja.
¾ de xícara de café forte ou um pouco mais se necessário
½ xícara de conhaque, vinho do porto ou outra bebida
1 ½ xícara de frutas secas (nozes, castanhas, damascos, uvas passas (picadas) …o que tiver em casa
¾ xícara de chocolate em pedacinhos
1 colher de sopa cheia de pó Royal
Colocar as uvas passas e damascos de molho no café quente enquanto prepara o bolo.
Untar uma forma grande ou 2 menores com margarina (use um pincel) e farinha de trigo para polvilhar.
Ligar o forno, temperatura média.
Colocar na tigela da batedeira o açúcar, os ovos, o óleo e bater. Acrescentar um pouco do café ainda batendo. Desligar a batedeira e acrescentar a farinha peneirada e misturar e os demais ingredientes menos as frutas e o fermento. Voltar a bater. Adicionar as frutas com o restante do café, o fermento, e bater novamente. Colocar na forma.
Levar ao forno a inicialmente 250 graus, baixando depois dos primeiros 15 minutos. Ficar de olho para não queimar. Fazer o teste do palito para ver se está assado.

Ao tirar do forno, derramar por cima ganash de chocolate e enfeitar com frutas.
Ganash de chocolate
1 xícara de chocolate picado
3 colheres de creme de leite
Derreter o chocolate no banho maria ou microondas e misturar o creme de leite. Aplicar o ganash quente sobre o bolo, apenas em cima, deixando escorrer dos lados para criar um efeito diferente. Enfeitar com nozes ou outras frutas.
As fotos mostram 3 bolos, pois fiz duas receitas, aproveitando para presentear amigas com essas delícias. Os dois bolos menores, cobri com uma cobertura feita com chololate em pó, receita abaixo.

Cobertura com chololate em pó
2 xícaras de cholocate amargo
1 xícara de açúcar
3 colheres de manteiga
2 ou 3 colheres de leite ou creme de leite
Misturar, deixar derreter e começar a ferver mexendo por alguns minutinhos. Aplicar a cobertura ainda quente sobre o bolo.
Mãos a massa!
Louisette